27 de dez de 2016

FELIZ 2017 COM MUITA LUZ PARA TODOS NÓS.

foto: J.VILHORA

Em breve estarei falando um pouco de iluminação para ambientes residenciais de uma forma bem simples e acessível. sem aqueles termos técnicos que ninguém entende.
E como é gostoso falar que assuntos que façam bem a vida das pessoas. Falar de luz só traz sensações boas.
Aproveitando o tema.

Que façamos deste 2017 um ano iluminado, cheio de energia positiva.
E que tudo que nos puxa pra baixo seja deixado de lado.
Vamos trabalhar nossos pontos fortes e seguir em frente. 
Sem medo dos comentários ruins, dos recalques e afins.
O que vale é acreditar e colocar a  cara a tapa para produzir conteúdos legais que transformem as vidas das pessoas e a nossa também.

Felicidades a todos os leitores e seguidores.

18 de dez de 2016

NÃO DEU CERTO? NÃO SE CULPE: REFLITA.

PROJETO SHOW ROOM: SERGIO ASTRAUSKIENE
FOTO: J. VILHORA


Quando tudo aquilo que planejou num dado momento da vida não der certo, não se culpe. Reflita.
Somos humanos, erramos e acertamos o tempo todo. E se colocar a pensar sobre os fatos, sem culpa nem medo, é a melhor estratégia pra não tropeçar lá na frente.

Os erros existem para nos alertar que somos gente de carne e osso, que não somos entidades supremas, acima do bem e do mal, que só acumulam sucessos e realizações. Aliás, gente que faz essa linha tende a ser chata pra caramba. Gente sem nada de gostoso pra compartilhar. Pois o gostoso muitas vezes está no erro. Que vira base sólida para o acerto.

Nada melhor na vida que sermos nós mesmos, em qualquer situação. Tenha certeza que as gratificações aparecerão mais cedo ou mais tarde. Por que?

Porque nossa autenticidade é transmitida como ondas de rádio ao nossos espectadores, e se propaga como energia boa para a alma de quem está ao nosso lado.
E esse nível de comunicação poucos conseguem, pois para tanto, há a necessidade de nos despirmos de personagens e defesas. Nos mostrando como nossos erros e acertos.

Só assim chegamos no outro. Em qualquer instancia da vida.

QUE TAL TENTARMOS SER VERDADEIROS?



5 de dez de 2016

FLUÍDO COMO A ÁGUA

fotos: J. VILHORA
torneira: DECA


Frequentemente , no caminho de nossas vidas, nos pegamos abraçados a conceitos que, muitas vezes, deixaram de nos tocar, com o passar do tempo. Tipo uma roupa antiga que apesar de não se encaixar mais em nosso corpo, fica lá na gaveta, guardada.

Sabe aquele apego emocional que criamos com coisas que não nos dizem mais nada? E esse apego se torna tão grande que nos impede de dar passos firmes ao encontro do que imaginamos para o nosso futuro.

Quem nunca passou por isso? Eu já tive essa sensação e tenho certeza que você também já teve.
O apego quase petrificado a ideologias, crenças e objetos nos fazem estacionar em algum canto de nós mesmos, trazendo para a nossa vida apenas frustração e estagnação. Tudo isso porque, cultivamos o medo de associar a mudança de idéias a falta de personalidade.

Ter personalidade é ter senso crítico, capacidade de observação isenta de tudo que possa corromper o nosso olhar. Por isso tudo passa e pois estamos sempre em constante transformação.

 Ter coragem para deixar para trás o que não interessa mais só nos dá segurança para seguir em frente, nos colocando em frente a novos desafios e aprendizados.
É assim que a água se faz presente na Terra, que mesmo sendo maleável a todos os terrenos e situações, não se deixa encarcerar em nenhum lugar.

Vivemos neste mundo para surpreender e não para nos encaixar em qualquer gaveta que nos imponham. Assim como a água que corre livre por aí, faz.











Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...