31 de dez de 2018

ANO NOVO


Um novo ano começa e a tela da vida está em branco de novo.
Que venham novas cores, outros traços, diferentes emoções, desafios, conquistas, amizades e EXPERIENCIAS.
Que esse momento sirva pra passar pra frente o que não serve mais, deixar ir quem não significa tanto e reciclar pensamentos que não nos dizem mais nada.
Época de renascer, de recriar, dar outros passos e redesenhar a arte da VIDA. Se um pelo menos um modesto rabisco, no canto da tela, aparecer alterado no ano que vem, mais um ciclo terá valido a pena.




9 de set de 2018

A CIDADE E SUA LOGÍSTICA


Curto muito andar sem rumo pela cidade, ver o movimento, observar pessoas, comer um sanduba sentado no meio fio, assistir a arte das ruas e as cenas do dia a dia que não param de acontecer nas metrópoles. Essa informalidade velada e beleza discreta que me emociona, diferentemente da ostentação exagerada e regras desmedidas que pessoas ditas especialistas insistem em nos empurrar. O charme das cidades está justamente na sua diversidade. Se as olharmos com mais atenção e tomarmos a sua logística pra nós mesmos, sem esperar que façam por nós, o espaço público vai se tornar muito melhor, porque será extensão de nós mesmos. Acho que é isso.



FOTO:VILHORA

22 de ago de 2018

QUESTÃO DE PROPÓSITO

Na vida tudo se resume a ter um propósito. Outro dia, conversando com uma querida amiga, fiquei refletindo sobre isso. Nós somos bombardeados, o tempo inteiro, por um monte de conselhos nos orientando a usar o creme X porque tira rugas, pra adotarmos a dieta Y porque emagrece muito, a usar a roupa tal pra valorizar o corpo, e por aí vai. 
Mas qual o propósito disso? Se sentir melhor, melhorar a auto estima. Óbvio. Mas será que é suficiente? Cada vez me convenço mais que não. Por que? Porque estética é efêmera, porque somos feitos de sentimentos e emoções, porque temos uma alma pra alimentar de experiências e afetos. E isso não se vê no espelho. Apenas se sente. estética por estética só gera frustração. 
Por isso ter um propósito significativo na nossa vida, é tão importante. Algo que deixe a nossa marca no mundo, por mais modesta que seja. Aí sim todo o resto poderá ter algum significado. Por isso insisto tanto naquela coisa de: ser você mesmo e se aceitar como é. Esse caminho é muito mais duradouro, porque aí sim estaremos fazendo algo por nós mesmos, não pros outros.

foto: Marcello Garcia

15 de ago de 2018

O QUE É AUTOMAÇÃO

Oi pessoal!
Voces sabem o que é automação?
Nesse vídeo falamos um pouco desse universo que tanto pode colaborar para o nosso bem estar nos lugares onde moramos, trabalhamos, ou simplesmente não fazemos nadica de nada!
Dá uma olhada e tire suas dúvidas.
O vídeo é bem introdutório. Caso queira se aprofundar no assunto acesse o site ANTARES DIGITAL LIFE.
AH! E não esqueça de se inscrever no nosso canal: ARQUITUDE!

9 de jul de 2018

O QUE É UMA CIDADE LINDA PRA VOCÊ?



O que é uma cidade linda para você?
Neste vídeo do nosso novo canal do YOUTUBE, discutimos um pouco sobre esse tema tão relevante nos dias de hoje.
Visitei o famoso Minhocão, em são paulo, numa manhã de domingo e me coloquei a refletir.
Quis compartilhar isso aqui com vocês.
Espero que gostem.

Ah, inscreva-se no canal ARQUITUDE, clique no sino e ajude nosso canal a crescer.
Sua ajuda é muito importante para nós.

EM BREVE POSTAREI A RESENHA AQUI NO BLOG.

26 de mar de 2018

SÃO PAULO DOS MUITOS CEPs.


Valeu a pena acordar mega cedo num domingo, caminhar pra caramba, ficar com a testa queimada por causa do sol forte e transpirar uns 200 litros pra fazer as fotos e "takes" para um vídeo que expressará coisas que a gente acredita sobre o espaço que habitamos.

Apesar do abandono que as nossas cidades vivem, ainda é possível identificar no caos a beleza velada presente nas ruas e na arquitetura. Fragmentos emotivos de uma cidade com todos os CEPs. São Paulo. Agradeço demais o apoio, criatividade e parceria dos fotógrafos MARCELLO GARCIA e J. VILHORA .

EM BREVE O VÍDEO!!!

17 de mar de 2018

REFLEXÕES SOBRE O "CAMINHAR"



Por muito tempo achei que o ritmo mais corrido era o ideal, e por andar meio devagar me achava um bosta. Engano meu.
O melhor ritmo é aquele que nos leva aos nossos objetivos e metas.
Aquele que segue muito rápido perde a oportunidade de observar as paisagens da vida, assim como o que vai devagar não comemora as vitórias do primeiro lugar.
Nas nossas caminhadas o que vale é o jeito de andar que expresse o nosso jeito de ser, a nossa personalidade. O importante é seguirmos em frente, sem esquecer que o ato de parar para refletir é fundamental para realinharmos nossas idéias. 
O grande barato de sermos humanos está no fato de podermos mudar os rumos da nossa vida com o passar dos anos, dos acontecimentos e sentimentos. Isso é vida.

5 de mar de 2018

PLANTAS DENTRO DE CASA



Um projeto de decoração ganha muito mais vida quando traz plantas incorporadas no eu contexto. O verde enche o ambiente de energia boa, além das cores vivas que agrega.
Nem que seja um vasinho né gente. 

4 de mar de 2018

COZINHA URBANA DE FAZENDA


Tenho um carinho enorme por projetos que resgatam essa coisa toda de reunir pessoas em volta das panelas na cozinha. Conversas gostosas e comidinhas sabe?
Acho um pé no saco espaços sem alma, que de tão frios nos levam pra Sibéria. é só pra ver né minha gente? Ambiente é pra se usar e não pra ficar mostrando pros outros.
Fazer esse trabalho fui uma delícia. brincamos com texturas, cores suaves e luz gostosa. tudo pra deixar todo mundo juntinho em volta da bancada da cozinha. ADORO! Em breve projeto completo.

2018

SER VOCÊ MESMO

Mesmo sendo um bom aluno na escola, sempre fui apontado como um menino meio estranho. Triste né? Nada. É só um fato da vida. Eu só era uma pessoa fora dos padrões e com o tempo fui descobrindo que havia muitas outras iguais a mim. Gente que não era popular na sala de aula ou no recreio, gente nariguda, excluída, feia, sem graça, gorda, alta demais, desengonçada, extremamente tímida e principalmente: INVISÍVEL. Gente que passou a formação intelectual ouvido frases do tipo: nunca ouvi a voz desse menino, que criança anti-social, que pessoa feia, será que ele tem algum problema? E por aí vai. Muita gente passa por isso na infância e na “bad”/novela mexicana da adolescência. 
Mas isso tudo nunca diminuiu a minha vontade de atingir os projetos pessoais do horizonte da minha vida. Faltava só me inspirar em alguém ou em alguma coisa, e nessa busca interna descobri o óbvio que estava ali, na minha cara. Me inspirar em mim mesmo e fazer o que me marginalizava conspirar ao meu favor. Minha timidez passou a ser mistério, meu nariz grande passou a ser elegância, meu senso de observação passou a ser sobriedade e os meus micos passaram a ser autenticidade. Assim fui construindo a minha personalidade e me aceitando como sou nesse delicioso processo que é tornar-se pessoa. E tô por aí, sendo muito foda do meu jeito. Afinal, não existe manual de instruções para sermos alguém. O que existe é a transmutação do que é ruim em força para que possamos amadurecer e desabrochar. E esse processo dura a vida toda.
Por isso, se você está mal por algum motivo, se achando a pior bosta do mundo (muitas vezes me senti assim) faça essa divertida caminhada interna. As respostas estão aí dentro, nas suas características e individualidade. Ninguém é melhor do que ninguém, e todos têm importância na engrenagem dessa máquina maluca chamada: MUNDO.
(seja com 10 ou 1000000 de seguidores)
Detalhe: continuo me achando estranho e adoro isso. 


foto pessoal: MARCELLO GARCIA
foto ilustrativa: quadradinhos iguais mais com interiores diferentes.




26 de fev de 2018

50 ANOS, E AÍ?




Quando eu era criança olhava pra pessoas de 50 anos com cara de espanto imaginando o quanto eram velhas. Com o passar do tempo comecei a pensar nessa idade como um portal imaculado para um novo ciclo na minha existência.
Cheguei aos 50 anos e sabe o que aconteceu na minha vida? Nada de excepcional. Quando me olho no espelho me vejo do mesmo jeito quando era um menino. 
Claro que a pele não tem mais o mesmo viço, os cabelos brancos estão por todo lado, as marcas da idade ficam aparentes e a barba: nem se fala. Mas isso não importa. O olhar continua o mesmo e a imaginação cheia de histórias pra contar. Como é fantástica a nossa capacidade de adaptação aos anos que vão se acumulando. 
Não é a passagem ou ação do tempo que definem a nossa idade, mas sim as nossas atitudes diante da vida. Me gosto muito mais hoje do que há anos atrás e não voltaria no tempo por nada nesse mundo. Afinal não somos nada da imensidão do universo. Muita pretensão achar o contrário, pois tentar enganar o tempo é enganar a si mesmo. O que fica da nossa passagem por aqui é o que fazemos pelos outros. São as nossas ATITUDES. O resto vira poeira ou no máximo uma lembrança pra ser compartilhada. E independente de quantas pessoas minha jornada vá atingir, quero fazer dela uma história incrível, assim como a sua, a sua e a sua! Todo mundo tem coisas legais pra compartilhar. É só achar dentro de si mesmo nessa coisa única e tragicômica chamada: VIVER.
EM: A VARANDA

A GRAÇA DE VIVER

Tenho cabelo crespo, barba branca, olheiras charmosas, idade meio avançada e nariz gigante. Fora as pintas pelo corpo, a timidez maluca, um calo aqui e outro ali, pouca bunda é muito ombro. Por que digo isso? Porque sei lá, não mudaria nada em mim, nem o que veio de fábrica e nem o que veio com o tempo. Me gosto do jeitinho que sou e me orgulho disso. E essa lição, é uma delicia de aprender com a vida. O chato é esse bombardeio de gente “especializada” que insiste em determinar o melhor peso, a roupa ideal ou o cabelo que favoreça a gente. O que esse povo sabe das nossas particularidades? Nada! O grande barato da vida é justamente o contrário: são as nossas descobertas e no fato de nos aceitarmos como somos sem cumprirmos regras impostas ou sugeridas. Viva a diversidade e as diferenças. Essa é a graça de viver. 

eu mesmo e meus defeitos/qualidades

VOLTANDO A ESCREVER

Oi gente.
Depois de uma longa parada pra sei lá, reciclar as idéias e dar um tempo pros neurônios, resolvi voltar a escrever no blog as minhas coisas loucas da cabeça.
que Deus me proteja de mim mesmo. rs
No reveillon a minha frase foi: vou apertar o f***-se. e assim pretendo que seja aqui também.
Vamos lá?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...