27 de set de 2016

SALA DE JANTAR COM MESA REDONDA


As cores sóbrias estão em alta, e tenho curtido muito isso. 
Outra coisa muito gostosa que temos feito em nossos ambientes é a distribuição intuitiva de quadros não paredes.
Acho essa coisa toda de regras, uma coisa super chata. Acredito mais no olhar, no golpe de vista e na coragem de arriscar, brincando com muito pouco.
Não sou da ostentação. a simplicidade é atemporal e a autenticidade, o tempero ideal pra tornar um espaço inesquecível.
É isso aí!


projeto:SERGIO ASTRAUSKIENE
fotos: J. VILHORA
2016


13 de set de 2016

Pausa prum café


Que tal um café?

Muitas vezes se torna necessário dar uma parada.
Uma parada de vários dias para recompor energias, ou até de dois minutos para degustar um café, para relaxar contemplando alguma imagem inusitada ou até mesmo uma noite tranquila de sono para deixar a mente viajar em caminhos imaginários.
Esse "estar só" é fundamental para que tenhamos uma vida tranquila e mais feliz. O nada também constrói.



18 de ago de 2016

IGUAL, MAS DIFERENTE



foto: vilhora


as vezes a gente se cansa de si mesmo
para em qualquer esquina
traça uns planos loucos
toma alguma coisa
respira fundo
dá a cara a tapa
e segue em frente
igual, mas diferente

(aguardando a mim mesmo)



14 de ago de 2016

SALA DE JANTAR BRANCA


Sala de almoço colorida, cheia de cores divertidas.
Sala de jantar monocromática. Poucas cores e texturas diversas.
Passagens da vida.




FICHA TÉCNICA

mobiliário: ESTAR MÓVEIS
papel de parede: ALAMANDA HOME
objetos: ARCHIFORMA
iluminação: LUSTRES IRIÊ
fotos: VILHORA




9 de ago de 2016

ENVELHECER


sala de estar classica - 2015
foto: VILHORA


Envelhecer é bom.
Enlouquecer com a velhice é melhor.


Nada melhor que envelhecer com a mente aberta a novas possibilidades, os olhos focados em novos caminhos e as emoções renovadas para outros desafios.
A passagem do tempo teima em engessar nossos conceitos, fazendo com que nossas lista de exigências fique tão pragmática que a eliminação da palavra aprendizado fique riscada do nosso livro da vida. 
Por isso é tão bom enlouquecer e deixar tudo o que achávamos certo de lado e experimentar novas brincadeiras, sabores diferentes, cantinhos inusitados e gente interessante.
Isso se chama VIVER e não apenas, PASSAR PELA VIDA.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...